RADIO WEB RODRIGUES

A MELHOR WEB RADIO DA INTERNET

O QUE FAZER NA HORA DA DOR DE CABEÇA

06 SET 2014
06 de Setembro de 2014
Quando alguma alma caridosa tem pena de nossa dor de cabeça terrível e gentilmente oferece remédio rápido e eficaz. Tente ser o mais cauteloso possível não se desfazendo da pessoa, mais sim se preocupando com a própria saúde, leia a composição da pílula desconhecida ou você irá engolir confiando que o que não mata engorda ?
Além de experiências, a questão constante parece surgir em torno do uso de paracetamol ou ibuprofeno para combater essa dor de cabeça horrível. Alguns dizem que um é melhor que outro, e outros dizem o contrário. “Na verdade, os dois são muito parecidos”, diz o Dr. Jose Javier Varo, especialista em Medicina de Família e Diretor de Emergência do Hospital da Universidade de Navarra (CUN), o que explica que os dois são “os analgésicos e antitérmicos“, ou seja, aliviar dores de cabeça ou dores musculares menores ou dor nas articulações e reduz a febre. “O ibuprofeno também tem efeito anti-inflamatório“, diz o médico, que qualifica: “Quando estiver em dúvida, se caso a dor de cabeça for leve, preferível o paracetamol porque é menos prejudicial”
Embora estes analgésicos têm propriedades semelhantes, e pode mesmo começar a combinar, vale anotar que no caso do ibuprofeno é um efeito secundário adicional, porque “é um gastro-lesivo e em alguns casos, também pode alterar a função renal “, enquanto que no caso de paracetamol, seria necessário um consumo excessivo para gerar danos no fígado, de acordo com os especialistas.
E se a gente comer alguma coisa antes de tomar ibuprofeno ? Bem, entra aplacar dano direto na mucosa, mas não muito complexo, que afeta o sistema nervoso central, diz José Javier Varo.
Efervescente ou comprimidos ? O médico disse que com os dois métodos poderá obter efeitos semelhantes, o efervescente conseguindo encurtar o tempo de absorção, embora seja uma questão de quatro ou cinco minutos.
Aspirina ?
Alguém já se perguntou: O que a famosa aspirina teve sempre em nossas casas quando éramos crianças ? “Se temos de escolher uma droga na história da medicina, seria a aspirina”, explica o especialista CUN, observando que a aspirina é mais cheio de drogas em comparação a outros medicamentos.
É claro, não é apropriado para crianças, apesar da existência da “aspirina infantil” famosa porque seu consumo está ligado à síndrome de Reye, uma doença rara, mas com uma alta taxa de mortalidade.

Voltar

A melhor web radio da internet